A cair na real

Nos primeiros dias de infantário a coisa vinha muito fácil. Era “até logo mãe” e não havia stress.
Ontem já começou a perguntar “vais-te embora?”.
Hoje foi o choro e os gritos.
Parece que começou a cair na realidade de que isto vai ser sempre assim e o facto de estarem outros tantos miúdos a chorar também não ajuda nada.
“O Santi é muito independente” , “é um despachadão”, tudo e mais alguma coisa mas quando chega a hora de despedir-se da mãe volta a ser o pequenino de chucha e fralda.
Não consigo ir embora sabendo que está lá aos berros. Fico mais um pouco e mais um pouco até que já não há pais e tenho que desaparecer para não desestabilizar a aula.
A adaptação do infantário em Portugal é um bocado cruel. Não há aqui vários dias de aulas de adaptação com pais.  É o primeiro dia até às 12 e no dia a seguir já têm que ser crescidos.
Nada fácil.
Tudo indica que a partir de hoje será o pai a levá-lo de manhã para evitar estas cenas. Pode ser que resulte 😉

juguetes

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s